A hora e a vez da conciliação: Fórum Nacional sobre o tema encerra com sucesso
Segunda-feira, 26 de outubro de 2015

A hora e a vez da conciliação: Fórum Nacional sobre o tema encerra com sucesso

Nessa última sexta feira (23) foi concluído o II Fórum Nacional de Mediação e Conciliação (Fonamec), promovido pelo Tribunal de Justiça de São Paulo em parceria com a Escola Paulista da Magistratura (EPM) e o Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec).

O evento é um dos mais aguardados por quem se dedica à conciliação e à mediação, reunindo uma série de pessoas renomadas que trocam suas experiências bem sucedidas nos mais variados estados da federação, bem como discutem tecnicamente os institutos.

O coordenador do evento foi o desembargador do TJSP José Roberto Neves Amorim (centro da foto), o qual ressaltou o sucesso da recente política pública de incentivo à mediação e conciliação na sociedade brasileira.

O número de pessoas aqui demonstra que estamos no caminho certo, e que a nossa política pública abraçada e adotada, mais importante que ser acolhida pelos nossos tribunais, vem sendo acolhida pela sociedade, o que é mais importante do que se fosse somente pelo próprio tribunal”.

Dentre os palestrantes, alguns tiveram passagem pelo Justificando, como é o caso do Juiz de Direito na Bahia e Assessor no Supremo Tribunal Federal André Gomma de Azevedo. Gomma palestrou sobre o “Cadastro Nacional de Mediadores e Câmaras e remuneração dos mediadores" – a "nova" carreira de mediador esteve no centro do debate.

Outros temas bem discutidos foram práticas inovadoras adotadas por tribunais. O palestrante Juiz de Direito pelo Tribunal de Justiça de Goiás Paulo César Alves das Neves trouxe, por exemplo, a campanha da semana de conciliação do estado, uma das maiores do país e premiada pelo Tribunal de Justiça de Goiás. Paulo César ainda destacou outras iniciativas como capacitação de pessoas que são mais acessíveis em áreas remotas e carentes para ampliar o acesso à justiça pela população.

Institucionalmente, Fórum indica que é a hora e vez da mediação

Na plateia de pouco mais de cento e cinquenta pessoas, destacava-se a massiva presença de juízes, desembargadores e mediadores de outros estados. Mais da metade dos tribunais enviaram representantes para trocarem experiências adotadas, algo raro entre eventos jurídicos.

"O Fórum é isso, essa troca de experiência. A ideia é que se alguma iniciativa em um Tribunal, isso possa ser válido também para outra região" – afirmou Amorim na fala de encerramento.

Essa troca de experiência será mais um passo para os Tribunais ampliarem e conseguirem responder ao Novo Código de Processo Civil, que aumenta exponencialmente a importância da mediação. O diploma entrará em vigor em janeiro de 2016 e tem obrigado diversos profissionais jurídicos a se atualizarem.

Fotos: Guilherme Rocha/Justificando

Segunda-feira, 26 de outubro de 2015
Anuncie

Apoiadores
Seja um apoiador

Aproximadamente 1.5 milhões de visualizações mensais e mais de 175 mil curtidas no Facebook.

CONTATO

Justificando Conteúdo Cultural LTDA-EPP

[email protected]
Av Paulista, 1776, 13º andar, Cerqueira César
São Paulo/SP, 01310-200